Dicas inteligentes para pais de recém-nascido

Dicas inteligentes para pais de recém-nascido
Bebês Dicas Maternidade

Conselhos aos pais sobre amamentação, sono do bebê e da mamãe e muito mais, após a chegada do bebê em casa

Todos os pais cometem erros e acertos. Isso faz parte do processo de adaptação da família ao novo integrante da casa. Apenas pense em seus próprios pais. Você, sem dúvida, apresentará uma lista de coisas que eles provavelmente te contaram que fizeram de errado.

A verdade é que ninguém é infalível – especialmente pais novos. Mas se você conhecer os ‘erros mais comuns’ que os pais de primeira viagem costumam cometer, talvez não vá repeti-los. Então, aqui estão eles, junto com dicas para ajudar mães e pais a passarem, da forma mais leve possível, por essa trajetória linda que é a maternidade.

Ainda na maternidade, tente usar os recursos do hospital

A maioria das maternidades dão assistência às mães na amamentação, banho e outras questões importantes, decorrentes do pós-nascimento. Por isso, antes de sair da maternidade, tente ir atrás de todo conhecimento que achar importante, principalmente no que se refere à amamentação.

Pergunte se há uma aula de cuidados com o recém-nascido ou um consultor materno disponível na equipe. Aperte o botão de chamada da enfermagem sempre que estiver pronta para alimentar o bebê e peça a uma enfermeira para lhe auxiliar, se for necessário.

Os ciclos do recém-nascido

Os bebês dormem, choram, mamam e fazem suas necessidades fisiológicas, este é o ciclo inicial de todo recém-nascido. Embora a natureza tenha feito um bom trabalho em fornecer a você e a seu bebê as condições biológicas necessárias para passarem por essa fase, no início é quase garantido que será mais difícil do que o esperado. De mamilos doloridos à noites de cólica do bebê, as dicas que vamos mostrar poderão ajudar bastante.

Mulheres que se preparam com antecedência têm maior taxa de sucesso

Mommy, tente se antecipar aos acontecimentos, busque informações sobre os cuidados que se deve ter com o recém-nascido, organize suas ideias e crie maneiras de garantir a fase de pós-nascimento mais tranquila.

Converse com parentes e amigos que tiveram uma boa experiência com recém-nascido, fale com o pediatra sobre a possibilidade de lhe indicar uma consultora materna-infantil, profissional essencial para pais de primeira viagem.

Em casa, cuide do bebê e do seu emocional

Em casa, você vai querer largar tudo para alimentar o bebê no momento em que ele começar a chorar. Mas sugerimos cuidar de você também! Em momentos que o bebê estiver dormindo, por exemplo, se distraia com alguma tarefa, tome um chá, leia um livro, ligue para a amiga, ou seja, tente mudar um pouco o foco.

Logo nos primeiros dias após o nascimento do bebê, a descida do leite pode demorar um pouco, e se ficar ansiosa ou nervosa, poderá atrasar ainda mais esse processo. Tente relaxar!

Cuidados com a mama

Se a mama estiver dura, use uma compressa morna e massageie com movimentos circulares e no sentido do comprimento, até o bico. Se seus seios estiverem ingurgitados ou tiver obstruído os dutos, estas dicas são essenciais. Uma almofada de aquecimento ou uma toalha quente e úmida funcionam, mas uma almofada de linho (geralmente vendida em lojas de produtos naturais) é ainda melhor.

Aqueça no microondas e conecte-a ao peito. O calor ajuda a desobstruir os ductos da mama, mas se seus seios estiverem doloridos após a amamentação, tente uma bolsa de gelo.

Meu bebê não dorme!

Se seu bebê não está mamando, provavelmente está dormindo. Os recém-nascidos registram até 16 horas de sono por dia, mas esse sono é dividido em fases. O resultado: você se sentirá em alerta constante e mais exausta do que jamais imaginou ser possível. Afinal qualquer um de nós sofrerá se houver privação do sono.

Pare de ficar obcecada com este cansaço

Como já citamos anteriormente, tente mudar o foco! Há apenas um objetivo agora: cuidar do seu bebê. Você não vai dormir uma noite inteira, então pode optar em ficar cansada e com raiva ou, apenas, cansada. Tentar ficar apenas cansada e ciente de que é uma fase e vai passar, é o mais aconselhável!

Faça turnos

Uma noite é a vez da mamãe balançar o bebê irritado, a próxima é a vez do papai. Alguns pais desenvolvem um sistema de revezamento, por exemplo, quando o pai estiver com o bebê à noite, a mãe dá uma dormidinha. Enquanto que a mãe fica com o bebê pela manhã para o pai ir dormir.

O velho ditado “durma enquanto o bebê dorme” é realmente o melhor conselho. Tire uma soneca junto com seu bebê e tente ir dormir cedo.

E se o bebê ter problemas para dormir?

Faça o que for necessário: colocar para mamar ou balançar para dormir; deixe seu recém-nascido adormecer em seu peito ou no bercinho, após mamar. Não se preocupe com maus hábitos ainda. Esta fase é muito inicial, a questão agora é adaptação do bebê e da mãe.

Acalmando o bebê

Muitas vezes, é difícil decifrar exatamente o que o bebê quer nas primeiras semanas sombrias. Você aprenderá, é claro, por tentativa e erro.

A chave para acalmar bebês agitados

Uma delas é imitar o útero, sabia? Se o bebê estiver chorando muito, por exemplo, tente mantê-lo com a barriguinha para baixo, segurando-o com a palma da mão e, deixando o rostinho de lado, vá balançando o bebê delicadamente.

A Shantala é outra alternativa muito eficaz para acalmar o bebê, tente pesquisar a respeito e caso queira fazer um curso, a Mommy’s Angel oferece a modalidade online de Shantala! Estamos à disposição para ajudá-las!

Toque música

Esqueça a teoria de que música torna o bebê mais agitado e concentre-se no fato de que alguns sons podem acalmá-lo, principalmente, sons da natureza ou mesmo ruídos que imitam o ambiente do útero da mãe.

Envolvendo o parceiro

Dicas inteligentes para pais de recém-nascidoSe você estiver criando seu bebê em uma família com o seu parceiro(a), é importante compartilharem de todos os momentos que, sabemos, não são poucos e nem fáceis. Mas quando podemos contar com o marido/esposa, tudo fica mais leve.

Muitas vezes, para não dar trabalho ao parceiro (a), acabamos acumulando uma carga muito pesada. Lembre-se, você não é a ‘Mulher Maravilha’ e nem colocou seu filho sozinha no mundo. A família, mais do que nunca, está aí para ajudar nesses momentos difíceis, não sinta vergonha, nem orgulho de aceitar ajuda.

Deixe o pai participar

Por incrível que pareça, muitos pais de primeira viagem hesitam em se envolver totalmente com a maternidade por medo de fazer algo errado e provocar a ira da mãe. As mães precisam permitir que seus maridos participem ativamente da maternidade, e cometam erros sem criticá-los. Afinal, tudo é aprendizado, acerto e erro!

Tire uma folga do trabalho

Se o parceiro não tiver a opção de licença parental por meio do trabalho, verifique se ele pode usar férias ou dias de ausência. Sabemos que nessa fase há muito o que fazer, além disso, é importante ter esse tempo a mais com o filho.

Divisão de tarefas

O pai pode aproveitar que está em casa e levar o bebê para passear e tomar sol, por exemplo, enquanto a esposa pode ter um pouco mais de tempo para ela.

Ignore conselhos indesejados

No final, vocês são os pais, então decidem o que é melhor para o bebê. No mais, se realmente terem alguma dúvida sobre amamentação, sono, banho, limpeza do umbigo, choro excessivo, por exemplo, consulte o pediatra da criança ou procure uma consultora materna.

Esqueça as tarefas domésticas

Pelo menos nos primeiros dois meses, faxinar a casa não é prioridade. Concentre-se em conhecer e dar a máxima atenção possível ao seu bebê. Se alguém tiver algo a dizer sobre a poeira acumulada ou a louça não lavada, sorria e entregue a ele um espanador ou detergente para ajudar!

Tem muitas pessoas que querem ajudar

Mas muitas vezes essas pessoas não sabem como podem ajudar. Não tenha medo de dizer exatamente o que você precisa. Lembre-se, esta é uma das poucas vezes em sua vida em que você poderá pedir ajuda!
Reconecte-se!

Para não se sentir desapegada do mundo, tente sair para caminhar, mesmo se estiver sozinha, por 10 minutos, já vai ajudar. Leia um livro, ouça música, ligue para a amiga, acesse a internet, assista filmes, séries, telejornais, enfim, tente não se isolar nessa fase.

Fique bem! E se precisar de alguma assistência, entre em contato agora mesmo! Estamos disponíveis online!

Fonte:
https://www.parents.com/baby/care/newborn/your-newborn-30-tips-for-the-first-30-days/
https://www.webmd.com/parenting/baby/features/10-mistakes-new-parents-make#1

Artigos Relacionados

Conheça alguns sinais indicativos de que a criança está mamando de forma adequada

Mommy´s Angel

Higiene do sono do bebê

Mommy´s Angel

Coronavírus: quais os cuidados com os bebês, as crianças e as gestantes?

Mommy´s Angel

Deixe um Comentário